REFLEXÃO DA SEMANA



MARAVILHOSA GRAÇA 


Para que, assim como o pecado reinou na morte, também a graça reinasse pela justiça para a vida eterna, por Jesus Cristo nosso Senhor (Rm 5.21)


Quem trouxe a graça de Deus para você foi Jesus Cristo: “A graça e a verdade vieram por meio de Jesus Cristo” (Jo 1.17). Aliás, ele “habitou entre nós cheio de graça e de verdade” (Jo 1.14). Note bem a expressão usada por João no prólogo de seu Evangelho: “cheio de graça”.

Ora, a graça é, na verdade, a maior de todas as bênçãos de Deus. Existe a graça comum e a graça especial. A graça comum alcança a humanidade inteira e se refere ao cuidado de Deus em sustentar a ordem da criação. A graça especial alcança apenas aqueles que Deus elege para a vida eterna, mediante a fé pessoal em Jesus Cristo.

 É esta graça especial que veio por meio de Jesus. A ela se deve a totalidade da salvação: redenção, santificação e glorificação. A graça especial inclui a chamada irresistível, a geração da fé e do arrependimento, o perdão de pecados, a nova natureza do cristão, a segurança da salvação, a santificação progressiva, a perseverança da fé, a ressurreição do corpo, novos céus e nova terra, a glória por vir e a vida eterna, que é a soma de tudo isso.

Oração: Amado Pai, seremos eternamente gratos por seu grande amor por nós. A nossa oração é que mais eleitos se conscientizem da maravilhosa graça e decidam estar mais perto de ti. É o que pedimos em nome de seu Filho Jesus. Amém!

Comentários

  1. A Graça de Deus, é tão maravilhosa, que nos alcançou e não fizemos nada para merecer por bondade e misericórdia em Cristo Jesus.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Reflexão da Semana

POBRES DE ESPIRITO - SÉRIE: "AS BEM-AVENTURANÇAS" - PARTE 1

OS QUE CHORAM - SÉRIE "AS BEM-AVENTURANÇAS" - parte 2